quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Troque a margarina pelo azeite de oliva com ervas, faça em casa

Todo mundo esta cansado de saber que a margarina não faz bem nenhum a saúde, entre os males já identificados estão - disfunções imunológicas, danos em fígado, pulmão, órgãos reprodutivos, distúrbios digestivos, diminuição na capacidade de aprendizado e crescimento, problemas de peso, aumento no risco de câncer, e principalmente: transtornos do metabolismo do colesterol, incremento de aterosclerose e doenças cardíacas.

Seu processo atual inclui o uso de solventes de petróleo (geralmente o hexano, que é bem barato), ácido fosfórico, soda, que resulta numa substância marrom e mal cheirosa, que sofre novo tratamento com ácidos clorídrico ou sulfúrico, altas temperaturas e catalisação com níquel, que deixa o produto parcialmente hidrogenado. Resta então um produto de ótimo prazo de conservação, com textura firme mesmo a temperatura ambiente, que não rança, não pega fungos, não é atacado por insetos ou roedores. Enfim é um não-alimento.

O processo todo acaba por formar uma substância rica em um tipo particular de gordura chamado “trans”, insólita na natureza e de efeitos nocivos para o homem, além disto, como é de conhecimento público o principal predicado da margarina é ser rica em óleos poliinsaturados, que hoje, já se sabe, contribuem para um grande número de doenças. (Dr. Victor Sorrentino
Cirurgião Plástico)

Mas o que fazer para substituir a margarina, sem a culpa de ingerir um alimento nada saldável? A solução pode ser mais simples do que parece, vamos utilizar alimentos alimento que já se sabe de seus benefícios a saúde quando consumido moderadamente o azeite de oliva e o orégano, que terão um sabor similar a margarina e com a vantagem de você colocar as ervas de sua preferencia. Veja o vídeo abaixo e aprenda como fazer.

 

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Inaugurado em Amsterdã primeiro zoológico de micróbios do mundo - UOL Ciências

O primeiro "zoo interativo de micróbios" do mundo abriu as portas em Amsterdã nesta terça-feira, lançando nova luz sobre as minúsculas criaturas que compõem dois terços de toda matéria viva e são vitais para o futuro do nosso planeta.

Orçado em 10 milhões de euros (US$ 13 milhões), o Museu Micropia fica perto do zoológico real Artis, em Amsterdã, cujo diretor teve, há 12 anos, a ideia de expor um arranjo de micróbios vivos em um "microzoo". Leia a matéria completa clicando aqui: http://migre.me/m2WUz

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Converse com seus pais e avôs sobre saúde, isto pode salvar sua vida.

Quantas vezes você já parou para ter uma conversa com seus familiares sobre como morreram seus avôs ou parentes próximos? Esta atitude pode te alertar para uma série de doenças crônicas que você e seus filhos podem desenvolver dependendo do seu estilo de vida.

Conhecer o histórico familiar é uma das ferramentas que pode indicar seu risco de câncer, diabetes, doenças cardíacas e derrame, entre outros problemas de saúde. Tudo começa com uma conversa, então fale com seus parentes e fique atento às doenças que os afetam.

O que matou sua mãe? sua avô, pai, avó, bisa, tio, tia? Quantas pessoas da sua família têm doenças em comum? Observe com mais atenção e você poderá viver mais que eles.

Ciro Pimentel

domingo, 31 de agosto de 2014

Sabia que ficar nu em frente ao espelho podo ajudar sua saúde?

Você lembra qual foi a ultima vez que você se olhou no espelho completamente nu, de frente e de costas? Se ainda não fez faça isso hoje, você ficará surpreso ao descobri como isso pode ser revelador.

A pele é um indicador do estado geral do nosso corpo como um todo, e descolorações, manchas, lesões, erupções e outra marcas de aparecia desagradável podem ser indícios de problemas internos. De vez em quando, dê uma boa olhada em cada centímetro do seu corpo, incluindo seu cabelo, suas unhas e o interior da sua boca.

Se tudo estiver bem, você poderá ter uma noção de quão bem está envelhecendo e analisar se sua pele e as rugas que você tem refletem a sua idade. Você acha que parece mais velho do que a sua idade cronológica? Se não estiver satisfeito, diga para você mesmo que sua aparência esta ótima, afirme isso nu diante do espelho. Todos sabem que manter a autoconfiança e estar à vontade com a própria aparência ajuda muito na saúde física e psicológica.

Ciro Pimentel - Graduando em BioMedicina
Com informações do livro: Guia rápido para uma vida longa, Dr. David B. Agus

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Sucos ou a fruta in natura?

Do ponto de vista médico, entende-se que o alimento deve estar o mínimo processado possível. Ao tomar um suco você já parou para analisar se realmente o seu corpo gosta de consumir de uma única vez dez cenouras? Ou meio quilo de bananas? E se os nutrientes presentes nas frutas e hortaliças que agora estão em um grande copo de suco são os mesmos?

Ao triturar tudo no liquidificador você esta processando os alimentos e mandando pro lixo um componente importantíssimo: As fibras. Alimentos, quanto menos processados melhor para sua saúde.
Já experimentou tomar suco de laranja processado meia hora antes? ou uma “vitamina” de abacate de alguns poucos minutos? amarga, tem gosto ruim, resultado do rápido processo de oxidação, o oxigênio é um poderoso oxidante, ele altera as moléculas em um instante.

É verdade que entre um “suco de caixa” e um feito em casa a segunda opção é sempre melhor por não conter conservantes. Mas, sempre que possível coma comida de verdade, a fruta do jeito que ela veio ao mundo.

E para os defensores do dos sucos que gostam de se referir aos estudos realizados sobre os benefícios de se consumir mais frutas e hortaliças frescas, eles se esquecem de mencionar que essas pesquisas não têm relação alguma com os sucos. São estudos feitos com alimentos integrais e as pessoas que os consomem, geralmente tem hábitos de vida mais saudáveis.